quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

INDRISO EM DECASSÍLABO HEROICO


Caspar David Friedrich
Tetschener Altar, Gesamtansicht, Szene: Das Kreuz im Gebirge
Óleo sobre Tela (1807) 



PLENO DE ESPLENDOR



"O grito que ora prendo é só por ti..."
Ronaldo Rhusso


Grita a Cruz as virtudes esquecidas
Gotejando fulgores, uns matizes
Que invadem minhas lúgubres feridas...


Há sacrossantas flamas que, em deslizes,
Encantam-me num êxtase de vidas
Dando alvuras aos sonhos infelizes


E penso que és tão pleno de esplendor


Porque o cedes a todos com amor!


Rommel Werneck



Escrito no fórum Descanso das Letras 

10 comentários:

Vitor de Silva disse...

Um belíssimo indriso, parabéns!

Lord Rommel Werneck disse...

Obrigado, Vitor! Eu compus no sábado, ele me aliviou com a perda de Dr Rinaldo Gissoni, só estiou esperando ver se encontro minha foto com o acadêmico para publicar uma nota aqui.

Fєrnαndєz ♠♠ disse...

Uma bela poesia, com um ar de escola barroca.

Muito bom!!

http://terza-rima.blogspot.com/

Lord Rommel Werneck disse...

Depende, talvez tenha alguns traços... Cuidado! Nem toda poesia sacra é barroca. Aliás, a maioria das poesias sacras não são barrocas.

Hilton Valeriano disse...

Sir Rommel, és um autêntico poeta! Maravilhoso! Já salvei!

Hilton Valeriano disse...

Tire essa verificação chata de palavras do blog!

Lord Rommel Werneck disse...

Tem como tirar? Eu sei que ano passado tava uma droga comentar.... às vezes o comentário não ia...

Lord Rommel Werneck disse...

às vezes aparece a caixinha de verificação, às vezes não... Pelo menos comigo é assim...

Hilton Valeriano disse...

Então deixe como está! Um abraço!

E-MAIL DE TESTES, POR ENQUANTO... disse...

Testando

REVIVALISMO LITERÁRIO


Poesia Retrô é um grupo de revivalismo literário fundado por Rommel Werneck e Gabriel Rübinger em março de 2009. São seus principais objetivos:

* Promoção de Revivalismo;

* O debate sadio sobre os tipos de versos: livres, polimétricos e isométricos, incluindo a propagação destes últimos;

* O estudo de clássicos e de autores da História, Teoria, Crítica e Criação Literária;

* Influenciar escritores e contribuir com material de apoio com informações sobre os assuntos citados acima;

* Catalogar, conhecer, escrever e difundir as várias formas fixas clássicas (soneto, ghazal, rondel, triolé etc) e contemporâneas (indriso, retranca, plêiade, etc.).