sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Deixa-me ver tua glória...

credito imagem:http://beldadedaminhavida.blogspot.com/
Deixa-me ver tua glória...

"É inútil lutar - deixa-me morrer jovem!"
Lord Byron


Tu não vês, meu Senhor, que macilento durmo?
Tu não vês que meu corpo apodrece execrando?
Não há música, dança, ou anjos me alegrando
Só resta podridão, lama, vermes e humo?

Porque deixas, Senhor, zombarem do teu servo,
Que faz adormecer a vida em prol da tua?
Eles, em rituais, idolatram a lua
Oh! Mas, em oração, meu senhor, me preservo.

Oh meu Deus, tu não vês que, macilento, eu morro?
Mas teus caminhos tão santos inda percorro.
Deus! Quero ver tua glória assim em minha masmorra!

Enquanto isso, um santo entrajado de lama,
Com voz cavernosa, assim a ti proclama:
Ah! Deixa-o ver tua glória, ó Deus. Deixa que morra!



Ronan Fernandes
XX/I/MMXI
22:00 o’clock

13 comentários:

Lord Rommel Werneck disse...

Dodecassílabos belíssimos!

laila disse...

LINDO, PARABÉNS!!! :D

Hilton Valeriano disse...

Formidável! Um salmo em forma de soneto! Maravilhoso!

Lord Rommel Werneck disse...

Verdade, Hilton. Parece salmo

Ronan Matusalém disse...

Obrigado gente...Não sabem quanto bem trazem a esse poeta inexperiente!

Anônimo disse...

Li em voz alta.Foi bom lê-lo em voz alta.

Lord Rommel Werneck disse...

Anônimo, lê em voz alta pra um moço bonito lá da Bahia. Acho que ele vai gostar...

Maria Rita disse...

Li como se estivesse a ler uma oração.
Emocionei-me!

Beijos pra Ti

Ronan Matusalém disse...

Nossa, muito obrigado! Realmente, sabem alimentar a alma pequena do poeta inexperiente!

Flá Perez (BláBlá) disse...

eu queria ter morrido jovem, mas agora já era, rsrsrs
belo!

Lord Rommel Werneck disse...

Já era, bláblá. Agora vamos ter que morrer velhos e com varizes o que é pior... Se bem que varizes dá um negócio meio pálido né....

Mario Rios DJ disse...

Muito bom

Edir Pina de Barros disse...

Fantástico!

REVIVALISMO LITERÁRIO


Poesia Retrô é um grupo de revivalismo literário fundado por Rommel Werneck e Gabriel Rübinger em março de 2009. São seus principais objetivos:

* Promoção de Revivalismo;

* O debate sadio sobre os tipos de versos: livres, polimétricos e isométricos, incluindo a propagação destes últimos;

* O estudo de clássicos e de autores da História, Teoria, Crítica e Criação Literária;

* Influenciar escritores e contribuir com material de apoio com informações sobre os assuntos citados acima;

* Catalogar, conhecer, escrever e difundir as várias formas fixas clássicas (soneto, ghazal, rondel, triolé etc) e contemporâneas (indriso, retranca, plêiade, etc.).