domingo, 7 de novembro de 2010

SOMBRAS E LUZES

A minha vida pulsa entre dois extremos:
Ora sou garça que revoa pelos céus,
Suave, deslizando nos seus densos véus,
Na vastidão sem fim da luz e amor supremos...


Algumas vezes sou serpente que rasteja,
E que destila, por instinto, seu veneno,
E que se perde neste mundo, vil, pequeno...
Um ente hostil, que sente ira e que fraqueja!


Quisera ter em mim somente amor e luz,
Desconhecer o lodo podre e a loca escura...
Quisera ser somente garça alva e pura!


Este pulsar sem fim, intenso, me tortura...
Tal existir em meio a tanta sombra e luz,
Faz-me sofrer. É meu dilema! É minha cruz!

5 comentários:

Hilton Valeriano disse...

A Edir honra o universo poético com sua obra!

L.Rommel Werneck disse...

Verdade

Miguel Portela disse...

Poema de uma beleza extrema e uma subtil sensualidade!

Miguel Portela
(miguelportela2010.blogspot.com)

Ilona Bastos disse...

Excelente blogue, com belíssima poesia - nos textos e nas imagens. Um enorme prazer percorrer estas páginas e neste "Sombras e Luzes" - que tanto me diz - deter-me para deixar as minhas felicitações. Um abraço

L.Rommel Werneck disse...

Cara leitora,

Ficamos agradecidos.
Por favor, comente outros textos e volte sempre para prestigiar nosso trabalho

REVIVALISMO LITERÁRIO


Poesia Retrô é um grupo de revivalismo literário fundado por Rommel Werneck e Gabriel Rübinger em março de 2009. São seus principais objetivos:

* Promoção de Revivalismo;

* O debate sadio sobre os tipos de versos: livres, polimétricos e isométricos, incluindo a propagação destes últimos;

* O estudo de clássicos e de autores da História, Teoria, Crítica e Criação Literária;

* Influenciar escritores e contribuir com material de apoio com informações sobre os assuntos citados acima;

* Catalogar, conhecer, escrever e difundir as várias formas fixas clássicas (soneto, ghazal, rondel, triolé etc) e contemporâneas (indriso, retranca, plêiade, etc.).