segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

TRISTEZAS PÓSTUMAS



Se um dia lerdes meus sonetos, cartas,
De minha entranha os versos arrancados
Dos meus recantos ermos, sufocados,
Nas noites de tristezas longas! Fartas!

Se meus sonetos, cartas, versos lerdes,
Tereis, por certo, lívida lembrança,
Do meu penar, sofrer, desesperança,
Que hoje jazem nestes campos verdes!

Apenas vos verei do além, distante,
Por vós não poderei mais versejar,
E haverá mais nada a vos falar!

No sepulcral silêncio desse instante,
Sem que o vosso pranto me acalante,
Minh’alma lá do alto há de chorar!

3 comentários:

Derek Soares Castro disse...

Este eu já li no recanto, encantei-me! Também lembra de um que eu tenho que chama-se "Dizeres Póstumos" breve publicarei aqui. Parabéns Edir.

Hilton Valeriano disse...

Ontem conversava com o bardo Rommel sobre os grandes parnasianos... A grandeza de ser tocado pela beleza ao ler um poema! Dos românticos também. E dizia: um tempo em que a poesia era Poesia! Graças aos deuses da lira esse tempo começa a voltar

Anaximandro Amorim disse...

Gostei muito dos seus sonetos. Parabéns!

REVIVALISMO LITERÁRIO


Poesia Retrô é um grupo de revivalismo literário fundado por Rommel Werneck e Gabriel Rübinger em março de 2009. São seus principais objetivos:

* Promoção de Revivalismo;

* O debate sadio sobre os tipos de versos: livres, polimétricos e isométricos, incluindo a propagação destes últimos;

* O estudo de clássicos e de autores da História, Teoria, Crítica e Criação Literária;

* Influenciar escritores e contribuir com material de apoio com informações sobre os assuntos citados acima;

* Catalogar, conhecer, escrever e difundir as várias formas fixas clássicas (soneto, ghazal, rondel, triolé etc) e contemporâneas (indriso, retranca, plêiade, etc.).