sábado, 23 de maio de 2009

Albrecht Dürer






Albrecht Dürer



Agnes Frey, dama imposta ao paladino

Logrou infeliz consórcio... Trafegou

Bendita ítalo clima, delineou seu destino

Regozijou-se na Germânia, onde ousou

Esculpiu em cobre, pintou... xilogravura

Cenas místicas, Madonas, seres satíricos

Hegemonizou perspectiva e proporção na pintura

Transcendeu na inventividade com seus épicos





De aparência etérea, foi magistral na arte

Um arquiteto perfeito, além do seu tempo

Renascimento, alento fecundo em sua vid’arte

Ensimesmado por enfermidade e contratempo

Retornou a Deus como todo gênio que parte





Denise Severgnini

http://i177.photobucket.com/albums/w239/lptol/Albrecht_Durer.jpg

3 comentários:

LU disse...

POSTE SOBRE A VIDA DELE NAO UMA POESIA

Rommel Werneck disse...

Srta Lu, obrigado por visitar nossa página, mas deixe-me dizer algho sobre seu abuso literário: Dürer não foi simplesmente pura poesia! Quer ler sobre a vida dele? Eu te indico a enciclopédioa Barsa, a srta acha em todas as bibliotecas. Bom passeio e boa leitura!

Rommel Werneck disse...

Mais um texto clássico do Poesia Retrô! Um ano de poesia de sempre!

REVIVALISMO LITERÁRIO


Poesia Retrô é um grupo de revivalismo literário fundado por Rommel Werneck e Gabriel Rübinger em março de 2009. São seus principais objetivos:

* Promoção de Revivalismo;

* O debate sadio sobre os tipos de versos: livres, polimétricos e isométricos, incluindo a propagação destes últimos;

* O estudo de clássicos e de autores da História, Teoria, Crítica e Criação Literária;

* Influenciar escritores e contribuir com material de apoio com informações sobre os assuntos citados acima;

* Catalogar, conhecer, escrever e difundir as várias formas fixas clássicas (soneto, ghazal, rondel, triolé etc) e contemporâneas (indriso, retranca, plêiade, etc.).