quarta-feira, 14 de setembro de 2011

LUA CHEIA


Ó, lua cheia que prateia a rua,
Beijando co’s seus raios as calçadas,
As rosas coloridas, perfumadas,
Quisera ser assim, ó, bela lua!

Por que não me iluminas, lua cheia?
Existem nos meus ermos sombras densas,
Enormes e profundas, mui extensas,
Sem ter sequer a luz d’uma candeia.

Oh! Lua cor de prata! Purpurina!
Oh! Vem! Formosa lua! E me ilumina!
Por que de mim te esqueces tanto assim?

Clareia os ermos meus, as minhas sendas,
Co'a luz dos raios teus, de finas rendas,
Põe fim nessa tristura dentro em mim.

Um comentário:

Toninhobira disse...

Lindo de uma inspiração fina e culta.
Parabens pela arte.
Como seguidor do Derek cheguei até aqui.
Gostei desta escola de alto nivel.
Meu abraço.

REVIVALISMO LITERÁRIO


Poesia Retrô é um grupo de revivalismo literário fundado por Rommel Werneck e Gabriel Rübinger em março de 2009. São seus principais objetivos:

* Promoção de Revivalismo;

* O debate sadio sobre os tipos de versos: livres, polimétricos e isométricos, incluindo a propagação destes últimos;

* O estudo de clássicos e de autores da História, Teoria, Crítica e Criação Literária;

* Influenciar escritores e contribuir com material de apoio com informações sobre os assuntos citados acima;

* Catalogar, conhecer, escrever e difundir as várias formas fixas clássicas (soneto, ghazal, rondel, triolé etc) e contemporâneas (indriso, retranca, plêiade, etc.).