sábado, 20 de novembro de 2010

TU ÉS MEU RIO...

Tu és meu rio e vou correr nas tuas veias,
Vou invadir teu leito, todos teus recantos,
E, murmurante, vou cantar-te doces cantos,
Eu vou rolar nos teus confins, lençóis, areias...

Vou revirar as pedras tuas, como anseias,
E vou beber das águas tuas, teus encantos,
Vou arrancar todos teus véus, teus doces mantos,
Dançar contigo a valsa, que no chão coleias...

Eu vou brincar, rolando, nesses mornos braços,
Vou entregar-me a ti no teu macio leito,
Amar nas tuas praias, como sempre quis...

Depois de ter corrido todos teus espaços,
Nas espumantes águas tuas me deleito,
E na barranca tua vou dormir feliz!

3 comentários:

L.Rommel Werneck disse...

Que poema divino!!

Adorei este verso:
"Nas espumantes águas tuas me deleito"

Joyce disse...

Dio Santo!
Q maravilhoso!

É da EDIR, Rommel? Sensacional...

beiJOYs saudOSOS, querido!

L.Rommel Werneck disse...

Sim, Edir Pina de Barros, consta no marcador e tb foi publicado pela mesma

REVIVALISMO LITERÁRIO


Poesia Retrô é um grupo de revivalismo literário fundado por Rommel Werneck e Gabriel Rübinger em março de 2009. São seus principais objetivos:

* Promoção de Revivalismo;

* O debate sadio sobre os tipos de versos: livres, polimétricos e isométricos, incluindo a propagação destes últimos;

* O estudo de clássicos e de autores da História, Teoria, Crítica e Criação Literária;

* Influenciar escritores e contribuir com material de apoio com informações sobre os assuntos citados acima;

* Catalogar, conhecer, escrever e difundir as várias formas fixas clássicas (soneto, ghazal, rondel, triolé etc) e contemporâneas (indriso, retranca, plêiade, etc.).