sexta-feira, 19 de novembro de 2010

LÍDIA



Deitados sob a copa de uma árvore,
descansando nas horas de sol alto
enquanto pasta o rebanho,

Peguei em tua mão, e tu sorriste,
linda como uma ninfa. E eu soube, Lídia,
quanto vale estar contigo.


Filipe Cavalcante

9 comentários:

Anônimo disse...

Sobre essa obra esplendorosa?
Só tenho a dizer, que muito me orgulho de fazer parte dos amigos deste incrível autor!
Filipe... Meus Parabéns!
Sua admiradora eterna Lidiane.

Vanes disse...

Lindo poema! PArabéns!

L.Rommel Werneck disse...

Muito belo! Mas deixem comentário em outros poemas tb

Edir Pina de Barros disse...

Belo! A descoberta do amor?

Hilton Valeriano disse...

Eu diria clássico! Por isso belo! Infelizmente nosso tempo é da vulgaridade! Da quase incapacidade para a beleza!

L.Rommel Werneck disse...

Vcs viram o belo texto da Valsa?

Geleiras disse...

simples e sincero.
Muito bom.

L.Rommel Werneck disse...

Simples, sincero e LITERÁRIO!!

♥Srta.M... disse...

belo,simples e sincero.
muito bom mesmo.

REVIVALISMO LITERÁRIO


Poesia Retrô é um grupo de revivalismo literário fundado por Rommel Werneck e Gabriel Rübinger em março de 2009. São seus principais objetivos:

* Promoção de Revivalismo;

* O debate sadio sobre os tipos de versos: livres, polimétricos e isométricos, incluindo a propagação destes últimos;

* O estudo de clássicos e de autores da História, Teoria, Crítica e Criação Literária;

* Influenciar escritores e contribuir com material de apoio com informações sobre os assuntos citados acima;

* Catalogar, conhecer, escrever e difundir as várias formas fixas clássicas (soneto, ghazal, rondel, triolé etc) e contemporâneas (indriso, retranca, plêiade, etc.).